O Governador do Estado, Helder Barbalho, destacou a importância do futebol paraense durante o lançamento da Copa Verde, realizado em Belém, durante a noite desta terça-feira (12). Durante o evento de anúncio do campeonato da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), o chefe do Executivo paraense frisou o destaque do Pará no cenário nacional.

“Festejo esse momento em que se inicia mais uma edição da Copa Verde, e particularmente a deferência da Confederação Brasileira de Futebol de fazer a competição no nosso estado. Isso é uma demonstração de prestígio a Federação Paraense de Futebol e um reconhecimento, por parte da CBF, sobre a importância que o estado do Pará tem sobre a Amazônia, o território ao qual a Copa Verde abrange”, destacou Helder.

O lançamento do torneio ocorreu no espaço do restaurante do Mangal das Garças e reuniu representantes da CBF, de clubes paraenses e do esporte no Pará e da capital paraense. Presente no lançamento, Ednaldo Rodrigues, presidente da CBF, destacou o simbolismo da competição que mobiliza mais de 10 estados brasileiros.

Ednaldo Rodrigues, presidente da CBF: futebol da Amazônia é um sucesso, no qual a Comfederação procura investir cada vez mais

“É uma competição que envolve 65% do território nacional, 11 estados nacionais e o Distrito Federal e que a CBF tem essa competição como uma iniciativa que tem muita sustentabilidade e, além do mais, é uma competição que nós temos apostado bastante por conta de estarmos no pulmão do mundo. Além disso, temos buscado cada vez mais atrativos para que essa competição seja, sempre, de qualidade. O futebol da Amazônia é um sucesso e nós temos procurado investir cada vez mais no futebol da região”, frisou o presidente da CBF.

APOIO

Durante o pronunciamento oficial, no evento, Helder Barbalho destacou o apoio do governo do Estado para o desenvolvimento do esporte no território paraense, e relembrou os investimentos estaduais para o crescimento do futebol no estado do Pará: “Hoje o governo do Estado, clubes e Federação constroem uma harmonia em prol do futebol. Só em investimentos da TV Cultura e do Banco do Estado do Pará (Banpará) somam mais de 8 milhões de reais, que nós viabilizamos para que os nossos clubes possam fazer um belo campeonato paraense”, ponderou Helder.

Fonte: Agência Pará
Foto: Bruno Cecim