Adolescentes de 12 a 17 anos com comorbidades e deficiência permanente são chamados para receber na sexta-feira, 27, a primeira dose da vacina contra a Covid-19, de 8h às 14h. Os adolescentes precisam estar acompanhados de um responsável maior de 18 anos.

Os documentos necessários são: RG e comprovante de residência do responsável. RG, CPF ou cartão SUS, laudo médico ou declaração da unidade de acompanhamento ou carteira da Apae do adolescente. Há algumas contraindicações para receber a vacina: não devem se vacinar os que estejam febril, com suspeita de Covid-19 e que tenha pegado Covid nos últimos 30 dias.

 

As comorbidades mais comuns são:

– Diabetes Mellitus, – Hipertensão arterial, – Hipertensão pulmonar, – Pneumopatias graves, – Cardiopatias, – Doença renal crônica, – Imunossuprimidos, – Anemias, – Obesidade mórbida, – Síndrome de down – Cirrose hepática

E outras comorbidades, de acordo com avaliação médica.

Quais as deficiências permanentes?

São autistas, pessoas com limitação motora, locomoção, de enxergar e ouvir.

 

Chegaram em Barcarena, 2.340 doses da vacina Pfizer contra a covid-19, enviadas pelo Governo do Pará. As vacinas são destinadas, neste primeiro momento, segundo o que determina o plano estadual de vacinação, para adolescentes de 12 a 17 anos que apresentem comorbidades e deficiência permanente.

“Estamos contentes ao receber a vacina Pfizer para aplicar em adolescentes de 12 a 17 anos com comorbidades e deficiência permanente, e para avançar na imunização, iniciaremos ainda esta semana a aplicação nesses adolescentes. É um primeiro momento para os grupos prioritários. Conforme recebermos mais vacinas, será ampliado para 12 a 17 anos sem comorbidades e deficiência. Vale lembrar que somente a Pfizer está autorizada a ser aplicada nesse público”, explica a secretária de saúde Eugênia Teles.

 

Confira os locais, hora, e documentos:

 

Fonte: Portal Barcarena
Foto: Divulgação